Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.

Hospital Nossa Senhora da Conceição recebe a visita do Secretário de Saúde André Motta Ribeiro.

O secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, esteve visitando o Hospital Nossa Senhora da Conceição, em Urussanga, na tarde desta segunda-feira, dia 18. O responsável pela pasta esteve observando a estrutura da instituição e os trabalhos que são desenvolvidos a pedido de lideranças municipais e do próprio hospital, visando analisar um pedido de mudança de porte dois para o porte três. O pedido significa o aumento de atendimentos para o hospital e, consequentemente, o aumento de recursos do Governo Federal em prol da instituição. “É a política de governo de Carlos Moisés trazer o acesso a saúde mais próximo do cidadão e para isso estamos fortalecendo as regiões de saúde, e eu tenho certeza que esse hospital pode ser bastante importante para este processo”, afirmou Ribeiro em entrevista ao repórter Edi Carlos De Rezende.

André Motta Ribeiro observou que o corpo técnico do hospital em Urussanga é completo, com vários profissionais especializados em diversas áreas, com um ambiente adequado e com um número de salas cirúrgicas consideráveis. O secretário frisou que esses fatores são importantes para decidir, junto ao governo do estado, se haverá a mudança de porte ou não. “O que me interessa, e quando falo isso falo do estado, é a oferta de serviço do município para a região e para isso nós estamos aqui para ver o que de fato se precisa implementar e ofertar aquilo que as pessoas estão necessitando”, disse o secretário.

Fonte: Radio Fundação Marconi 99.9FM